Consultoria em higiene ocupacional: quando contratar?

Se sua empresa lida com substâncias que podem trazer riscos à saúde dos trabalhadores e você ainda não tem certeza da solução para tal, ou se as medidas de controle preliminares foram insatisfatórias, pode ser hora de considerar a contratação de um consultor em higiene ocupacional, um higienista ocupacional com conhecimento na área.

Consultores de higiene ocupacional devem ser contratados para realizar dois grandes objetivos: o primeiro é o de identificar e avaliar os potenciais riscos para a saúde e segurança dos trabalhadores no ambiente de trabalho, e o segundo objetivo é projetar e avaliar a eficácia dos controles a fim de proteger os trabalhadores no local de trabalho.

Pensando nisto, levantamos os motivos cruciais para contratação dos serviços de um consultor em higiene ocupacional. Não deixe de curtir nossa FanPage para ficar por dentro de todas as dicas e novidades!

A necessidade de consultoria em higiene ocupacional

Mesmo que você possa estar familiarizado com os produtos químicos e processos utilizados na sua empresa, não é o suficiente para avaliar os seus efeitos na saúde dos trabalhadores e reconhecer situações de exposição potencialmente perigosas. Consultores de higiene ocupacional com formação e experiência são capazes de executar essas tarefas com maestria. Além disso, os consultores podem de forma eficiente e econômica, avaliar a intensidade das exposições dos empregados, em função do conhecimento específico que o consultor possuí em procedimentos de amostragem e analíticos adequados. Estes procedimentos são necessários para um diagnóstico mais assertivo.

A consultoria em higiene ocupacional também pode dizer se medidas de controle são necessárias ou não, e as alternativas disponíveis. As alternativas incluem: a substituição de materiais menos tóxicos e alteração do processo, controles de engenharia, controles administrativos e controles pessoais, como EPI’s e respiradores. É possível projetar, supervisionar a instalação e avaliar a eficácia das medidas adotadas de exposição dos funcionários.

Como proceder ao adotar medidas que não foram eficazes?

Caso sua empresa já tenha tomado alguma atitude em relação à exposição de trabalhadores à contaminantes, você deve documentar a situação completamente e explicitar ao consultor em higiene ocupacional, para que o mesmo possa identificar informações sobre o que deu errado – seja através de projeto inadequado, instalação incorreta, ou ambos.

Informe-se

A consultoria em higiene ocupacional pode ser empregada para mantê-lo ciente das exigências de regulamentações federais e estaduais em curso na área da segurança e saúde ocupacional. Eles podem informá-lo também quando e quais exames médicos de seus funcionários podem ser recomendados ou exigidos pela regulamentação, além de recomendar médicos ou clínicas adequadas para sua área, idôneas e especializadas em medicina do trabalho.

Além disto, os consultores em higiene ocupacional também podem desenvolver programas de treinamento de funcionários e fornecer informações a eles, através de palestras, por exemplo.

Como contratar a consultoria em higiene ocupacional?

Atualmente, existem muitos profissionais na área de higiene ocupacional. Mas como escolher o melhor?! Você deve avaliar a experiência e formação do profissional, se ele já realizou serviços para outras empresas e se possui a propriedade necessária para realizar a consultoria em higiene ocupacional. Higienistas ocupacionais certificados são os profissionais mais indicados.

Busque saber se o consultor não possui interesses externos, como a venda de produtos de determinada marca. Opte por um consultor que seja independente, ou seja: alguém livre de ‘amarras’ de um serviço ou linha de produtos. Muitas vezes métodos mais eficazes e econômicos deixam de ser empregados por profissionais que são limitados por serviços ou produtos pré-estabelecidos.

A Analytics Brasil é subsidiária do Laboratório Americano Analytics Corporation, reconhecido mundialmente desde 1977 pelas análises realizadas na área de Higiene Industrial. Em 1981, a Analytics recebeu ACREDITAÇÃO TOTAL DA AIHA (Associação Norte-Americana de Higiene Industrial) para todos os compostos orgânicos e inorgânicos, bem como amianto e sílica. A AIHA é o órgão Federal Americano responsável por assegurar o cumprimento das recomendações da OSHA (Occupational Safety and Health Association) e da NIOSH (National Institute for Occupational Safety and Health). Ambas são agências governamentais dos EUA responsáveis por desenvolver pesquisas e fazer recomendações visando à prevenção de doenças e lesões ocupacionais.

Fonte: “Manual de Estratégia de Amostragem” do NIOSH traduzido pela ABHO.

Ficou alguma dúvida? Deixe seu comentário!

Por: Redator Analytics Brasil

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
Gmail

5 de agosto

Pare de analisar Fumos Metálicos em Higiene Ocupacional