Como escolher o ciclone para poeira respirável?

Já ficou na dúvida sobre o que são os ciclones, qual comprar e o porquê utilizá-los? Entender os conceitos de poeira respirável e do funcionamento dos ciclones é essencial para a correta realização das amostragens.  

Acompanhe este artigo!  

Não se esqueça de curtir a nossa FanPage e ficar por dentro de todas as dicas e novidades!    

Todas as terças-feiras às 19h temos nossas lives sobre o que há de mais novo e mais moderno em Higiene Ocupacional. Um conteúdo técnico e direcionado da área. Toda semana um assunto novo e convidados especiais. Aproveite e se inscreva para a nossa live  da próxima semana,  clique aqui  e garanta a sua vaga!   

Poeira respirável 

Primeiramente, poeira é qualquer aerodispersóide suspenso no ar gerado pelo rompimento de um material sólido. 

A poeira respirável é definida pelo Anexo 12 da NR-15 e pela ACGIH. Segundo o Anexo C da ACGIH, trata-se de qualquer material particulado que pode se depositar e causar danos na região de troca de gases, nos alvéolos do pulmão. Então, o tamanho aerodinâmico máximo que caracteriza a poeira respirável é de 10 micrometros. 

Na ACGIH, os agentes que possuem limite de exposição na fração respirável apresentam a notação “(R)”. Para amostrá-los, deve-se coletar apenas as partículas de tamanho aerodinâmico menor do que 10 micrometros e descartar as partículas maiores do que 10 micrometros. Sendo assim, é indicada a utilização de um separador de partículas que seleciona e coleta apenas a fração desejada.  

Seletor de partículas 

O seletor de partículas indicado para a fração respirável deve possuir ponto de corte 50% em 4 micrometros segundo critério de performance da ISO 7708. Ou seja, as partículas maiores que 4 micrometros possuem eficiência de coleta menor do que 50% e as partículas menores que 4 micrometros possuem eficiência de coleta maior do que 50%. Ao comprar um seletor, sempre solicite ao fabricante a sua validação perante a ISO 7708. 

Os seletores de partículas mais utilizados para a fração respirável são os ciclones. Eles funcionam baseados na movimentação centrífuga do fluxo. As partículas menores sobem e são coletadas no filtro para posterior análise, enquanto as maiores se chocam na parede e caem no potinho de descarte.  

Tipos de ciclones 

Temos dois principais tipos de ciclones respiráveis: nylon e alumínio. O primeiro pode sofrer influência da orientação e de cargas estáticas segundo alguns estudos. Já o segundo, não sofre os efeitos da eletricidade estática e deve ser utilizado obrigatoriamente com cassete de 3 sessões. Se operados nas vazões indicadas pelos fabricantes: 1,7 L/min (nylon) e 2,5 L/min (alumínio), estes ciclones atendem aos critérios da ISO 7708. Sempre os utilize nestas vazões! 

 

A HO Fácil realiza treinamentos e palestras de Higiene Ocupacional com a finalidade de preparar profissionais para se destacarem no mercado de saúde e segurança do trabalho. Oferecemos formação profissional para que nossos alunos dominem os riscos químicos, físicos e biológicos. Se você quer ficar 100% preparado para atuar no mercado de Higiene Ocupacional com segurança e confiança chegou a sua hora.  Contate-nos e saiba mais! 

Por: Redator Analytics Brasil

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
Gmail

5 de agosto

Pare de analisar Fumos Metálicos em Higiene Ocupacional