10 Riscos associados ao uso de gases no ambiente de trabalho

No mundo industrializado de hoje, os gases desempenham um papel crucial em uma ampla gama de operações, desde processos de fabricação até a geração de energia. Presentes em atividades de diversos tamanhos, desde pequenas oficinas até grandes indústrias multimilionárias, esses gases são essenciais, mas carregam consigo um espectro de perigos que podem comprometer seriamente a segurança e o bem-estar dos trabalhadores. Reconhecer esses riscos é o primeiro passo essencial para criar um ambiente de trabalho mais seguro.  

Não se esqueça de curtir a nossa FanPage e ficar por dentro de todas as dicas e novidades!        

Todos os dias temos conteúdo novo e gratuito sobre temas que irão facilitar a avaliação de Agentes Químicos para Higiene Ocupacional. Um conteúdo técnico e direcionado para a área. Aproveite e siga meu perfil no Instagram @leandromagalhaes_oficial para ficar por dentro de tudo!

 

Gases Perigosos no Local de Trabalho 

É fundamental garantir que todas as operações envolvendo gases sejam conduzidas de maneira segura e eficiente. Compreender os perigos associados à presença de gases nos locais de trabalho é crucial, pois eles podem representar sérias ameaças à segurança e à saúde dos trabalhadores. 

  

  1. Gases Reativos

Alguns gases são extremamente reativos e podem provocar incêndios ou explosões ao entrar em contato com certos materiais ou substâncias. O oxigênio puro, por exemplo, pode fazer materiais como óleo e graxa entrarem em combustão espontânea. 

 

  

  1. Deficiência de Oxigênio

Locais de trabalho que armazenam ou utilizam grandes quantidades de gases enfrentam o risco de queda nos níveis de oxigênio para abaixo do limite seguro. Isso é particularmente preocupante em espaços confinados, onde a ventilação pode ser limitada. Uma queda significativa nos níveis de oxigênio pode causar sufocamento por falta de ar respirável. 

  

  1. Exposição a Gases Tóxicos

Processos industriais, especialmente em setores como petroquímico, manufatura e tratamento de resíduos, podem liberar gases tóxicos. A inalação desses gases pode causar uma série de problemas de saúde, desde irritação respiratória leve até danos pulmonares graves. 

  

  1. Cilindros de Gás de Alta Pressão

O armazenamento de gás sob alta pressão permite reter uma maior quantidade de gás em um recipiente, mas também apresenta riscos significativos. Danos, exposição a calor excessivo ou manuseio inadequado de cilindros podem resultar em explosões devastadoras. 

  

  1. Explosões

Gases como propano, metano e hidrogênio possuem propriedades explosivas. Se acumulados em certa concentração, uma pequena faísca pode provocar uma explosão poderosa. A importância de armazenar, manusear e ventilar adequadamente gases explosivos é fundamental para evitar acumulações perigosas. 

  

  1. Gases Corrosivos

Gases como cloro e amônia, com suas propriedades corrosivas, podem causar queimaduras químicas ao contato com a pele ou danificar o sistema respiratório se inalados. É essencial que locais de trabalho com gases corrosivos sigam procedimentos adequados de armazenamento e manuseio. 

  

  1. Envenenamento por Monóxido de Carbono

O monóxido de carbono, um subproduto da combustão incompleta, é particularmente perigoso por ser inodoro e incolor. A inalação deste gás interfere na capacidade do sangue de transportar oxigênio, causando sintomas como tontura, fraqueza e, em altas concentrações, até morte. 

 

  1. Asfixia

Gases inertes como nitrogênio e argônio podem deslocar o oxigênio em um ambiente, especialmente em espaços confinados. A diminuição gradual dos níveis de oxigênio pode levar à inconsciência súbita e, em casos graves, à morte, sem sinais detectáveis sem equipamento especializado. 

  

  1. Vazamentos de Gás

Vazamentos de gás representam um dos riscos mais frequentes e graves em ambientes de trabalho, especialmente nas indústrias que lidam com gases inflamáveis. Quando o gás escapa de tubulações, tanques ou equipamentos, pode formar uma atmosfera inflamável. Se esta atmosfera encontrar uma fonte de ignição, como uma faísca ou chama aberta, poderá causar incêndios ou explosões. 

  

  1. Queimaduras de Frio e Congelamento

Gases liquefeitos liberados rapidamente de seus recipientes causam uma queda acentuada na temperatura, tornando o gás extremamente frio. O contato direto com esses gases super-resfriados, ou mesmo com seus recipientes, pode resultar em queimaduras de frio ou congelamento, causando danos imediatos aos tecidos. 

A natureza dinâmica dos gases e sua utilização generalizada em diversas indústrias sublinha a importância de compreender e abordar os perigos associados. Com estratégias e medidas proativas, esses riscos podem ser substancialmente reduzidos. Empregadores e funcionários devem colaborar, enfatizando a educação contínua, a manutenção regular dos equipamentos e a implementação de protocolos de segurança robustos.
 

A HO Fácil realiza treinamentos e palestras de Higiene Ocupacional com a finalidade de preparar profissionais para se destacarem no mercado de saúde e segurança do trabalho. Oferecemos formação profissional para que nossos alunos dominem os riscos químicos, físicos e biológicos. Se você quer ficar 100% preparado para atuar no mercado de Higiene Ocupacional com segurança e confiança chegou a sua hora.  Contate-nos e saiba mais!  

 

Quer complementar o assunto? Assista a aula abaixo: 

 

Inscreva-se em nosso canal do Youtube clicando aqui. 

Por: Leandro Magalhães

Compartilhe:

Facebook
Twitter
WhatsApp
Telegram
Gmail

26 de maio

Primeiros Passos na Identificação de Reações de Agentes Químicos